Estudio ArSeNal


 
InícioBlogEdiçõesRegistrar-seContatoConectar-se
Últimos assuntos
» [testando] chat novo
Qua 11 Jan - 6:13 por Eli

» Os Guerreiros do Armagedon
Seg 12 Dez - 8:19 por RubensTUI

» Desenhos
Sab 3 Dez - 7:37 por LLawliet

» Kenzo (shonen-batalha)
Qua 20 Jul - 0:37 por kingkenzo

» Grand Kingdom Brawl (shonen - batalha)
Sex 8 Jul - 0:30 por kingkenzo

» [COLLAB] BUSCANDO UM ROTEIRO PARA ONE-SHOT
Sex 8 Jul - 0:07 por Pamela

» Ainda estamos ativos
Seg 30 Maio - 10:41 por Pamela

» Workshop da DC para novos talentos - Roteirista e desenhista
Qui 7 Abr - 13:13 por Pamela

» Revenge Spirit
Qui 24 Mar - 9:20 por Clock

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 24 em Qua 7 Jan - 16:59
Nossos Parceiros

Os membros mais ativos da semana
Top dos mais postadores
Clock
 
Carlos Alexandre
 
Eli
 
kurorowalker
 
Pamela
 
kingkenzo
 
LLawliet
 
Matheus Souza
 
Djalma Marquesani
 
goldslash
 

Compartilhe | 
 

 Técnicas de roteirismo- noções básicas.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
leduardo
Membro
avatar

Mensagens : 15
Data de inscrição : 19/05/2013

MensagemAssunto: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   Dom 2 Jun - 23:51

Olá a todos que me leem, depois de algumas conversas com o Carlos Alexandre e da autorização do Elienay, aqui começo uma pequena série sobre roteirismo, noção básica e técnica. Serão, ao todo, cinco postagens (noções básicas, narrativa, personagens, diálogos [suas funções] e conceitos finais), nelas eu irei apenas explicar sobre construção de roteiros para aqueles que estão tendo dificuldades para por suas ideias no papel. A ideia é apenas trazer um conhecimento superficial, não entendam isso daqui como substituição a livros, cursos e pesquisas profundas, apenas dou aqui um primeiro passa; caso queira conhecer mais, o universo é bem profundo e merece ser pesquisado.

NOÇÕES BÁSICAS
Muitos pensam que roteirismo está constituído apenas em cima de histórias; de fato, grande parte da existência da prática está constituída em cima da capacidade de narrar uma história, porém roteirismo não é só isso. Quando um escritor escreve um livro ele dialoga diretamente com aquele que o lê, é linguagem escrita para ser facilmente acessada; agora pense, quantos roteiros você já leu? Digamos que você já tenha lido alguns, ainda assim, eles são poucos se comparado aos livros (HQs não contam, apenas livros em formato mais básico), e o motivo é bem simples: roteiros não são escritos tendo em vista o público final, ele dificilmente irá ler o seu texto na íntegra. O roteiro é uma representação escrita de uma outra linguagem, no nosso caso, linguagem visual, e, mais específico, uma comunicação direta com o desenhista. Para entender melhor essa linguagem (que é bem simples quando vista em prática) e como ela é recomendada aqui, basta ver este tutorial aqui.

Não irei apontar o que você deve por ou não por no quadro, ainda que eu goste de escrever e tenha criado um estilo próprio que me agrada, isso é uma função que pertence apenas a você, então o maior conselho para essa primeira parte é o seguinte: leia várias HQs (de preferência as suas favoritas) e entenda como funciona os quadros que você gosta, tenha uma noção crítica daquilo que lhe agrada e passe isso para os seus roteiros. É um exercício bem simples, ler HQs irá te ajudar muito a construir HQs, assim você saberá quantas linhas de diálogo colocar, quando um diálogo deve mudar de quadro e outras coisas ligadas a descrição do quadro; passe quanto tempo você achar necessário para imaginar como aquele quadro que você vê pode ser descrito, logo você estará com total controle sobre os quadros.

Já está com domínio do que escrever para cada quadro? Então a primeira parte está completada, e ela não será difícil para vocês, já que é comum a leitura de HQs, logo a linguagem é facilmente emulada; se ainda está com dificuldade, treine mais um poucos, você conseguirá domínio em dois ou três dias, no máximo. Como eu disse no início, roteirismo não é só a capacidade de narrar histórias, e isso acaba indo um pouco além da questão da linguagem, a construção ou transposição de tramas está ligada a capacidade de analisá-las.



Este é Homero, homem que possivelmente nunca existiu e que é o alicerce básico para qualquer noção de construção de tramas. A ele estão encarregados os créditos da Ilíada e Odisseia, aqueles que podem ser considerados os poemas e narrativas escritas mais antigas conhecidas pela sociedade ocidental, assim como definição de todas as tramas que viriam a seguir: toda a narrativa é uma Ilíada ou uma Odisseia (ou ambas juntas). A primeira, a Ilíada, conta a história da Guerra de Troia, narrando o embate entre duas forças, enquanto a segunda, Odisseia, narra a trajetória de Odisseu de volta para a sua terra natal, que ocorre logo após o fim da Guerra de Troia. Poderíamos dizer que as Ilíadas são filmes de guerra documentais (não documentários) e Odisseias são road movies.

Quando for criar uma história, tenha em mente que ela sempre terá tais elementos, nenhuma irá fugir a regra. Num exemplo básico, temos O Senhor dos Anéis, onde a narrativa se separa em As Duas Torres, tornando bem claras a constituição paralela de uma Ilíada (guerra direta com as forças de Sauron) e uma Odisseia (trama de Frodo e Sam levando o anel até Mordor). Mas também tem que se ter em mente que uma Ilíada não necessita de um embate físico, podendo ser um embate de ideologias, e as Odisseias podem ser uma viagem da personagem de um estado primitivo (início da trama) para o seu estado final, com personalidade alterada, não apenas uma viagem física.

Esta divisão está clara em vários roteiros. Em Matrix temos uma Ilíada (luta entre humanos e máquinas) e uma Odisseia (trajetória da personagem Neo); em O Curioso Caso de Benjamim Button vemos apenas uma Odisseia, narrando a vida de um homem, sendo o seu início e fim marcados pelo seu nascimento e morte; já em Piratas do Caribe: O Baú da Morte, o caráter de Odisseia foi suprimido, já que ele intenta em lançar uma disputa feita por personagens já conhecidos que não irão evoluir (mudar ou ser melhor conhecidos pelo público) durante o filme. Logo uma coisa fica clara para a construção de seu roteiro: ele terá que ter o embate entre duas forças (não necessariamente bem e mal, ainda que estejamos acostumados com o formato) e/ou a evolução de uma ou mais personagens (mas não confunda evolução com "melhora").

Pensei em começar logo a explicar sobre curvas dramáticas, pontos de virada e evolução do roteiro, deixando o próximo tutorial mais livre para explicar sobre artifícios narrativos, mas vejo que é melhor deixar tudo condicionado para o próximo, assim fica mais organizado e já explicarei de forma mais concisa para esse ideal de embate/ evolução funciona dentro de uma trama; caso fique muito comprido explicar os artifícios narrativos, deixarei alguns para o último dos cinco tutoriais.

Luís Eduardo Santos 03/06/2013


Última edição por leduardo em Seg 3 Jun - 11:56, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
goldslash
Desenhista/Roteirista: Amador


Escorpião Macaco
Mensagens : 184
Data de inscrição : 06/03/2013
Idade : 25
Localização : Ijui/Brazil

MensagemAssunto: Re: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   Seg 3 Jun - 4:08

Cara muito bom, eu até n conhecia esses conceitos de illiada e odisseia, é bem filosófico, nunca gostei de filosofia KKKK, mesmo gostando de aplicá-la bastante.

No inicio fiquei com um pé atrás de q tudo era formado por esses 2, mas com os exemplos clarificou bastante...

Mas piratas do caribe hein, não sabia q conseguiu fugir da lógica, por isso boa parte do hype então, até entre os críticos. Muito fera.

Esperando pelo próximo.

_________________
Olá,Convidado se puder visite os tópicos e dê sua opinião! Obrigado ^^

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Clock
Desenhista/Roteirista: Veterano
avatar

Câncer Macaco
Mensagens : 1018
Data de inscrição : 25/01/2013
Idade : 25
Localização : Mato Grosso do Centro Sul Nordestino

MensagemAssunto: Re: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   Seg 3 Jun - 8:09

Essa parte de Illíada e Odisséia era desconhecido para mim também. E realmente é bem baseado nisso tudo, odisséia = universo da história , illiada = universo do personagem principal. Separando assim fica até mais fácil desenvolver os elementos com mais facilidade.

Esperando pelo próximo xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Carlos Alexandre
Desenhista/Roteirista: Veterano
avatar

Leão Búfalo
Mensagens : 884
Data de inscrição : 11/03/2013
Idade : 32
Localização : Para lá

MensagemAssunto: Re: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   Seg 3 Jun - 8:31

Pois é... muito bom edu...

se vc autorizar, posso postar esse texto no blog.

Se for o caso, vou mover o tópico para a área de matérias para o blog... se vc quiser que seus tutoriais sejam publicados, pode postar os proximos topicos na área de sugestão de matérias para o blog.

Obrigado pela ajuda. Temos muitos roteiristas, mas a esmagadora maioria deles carece de noções técnicas e isso pode ajudar muito a elevar a qualidade de nossos projetos.

Escrever é mais do que ter uma boa ideia na cabeça.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leduardo
Membro
avatar

Mensagens : 15
Data de inscrição : 19/05/2013

MensagemAssunto: Re: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   Seg 3 Jun - 12:05

Claro que pode, Carlos, e hoje entro para fazer a segunda parte e editar o tópico de Cidade Escura, agora estou pelo celular. Ótimo que tenham gostado, espero que seja bastante útil.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Técnicas de roteirismo- noções básicas.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Técnicas de roteirismo- noções básicas.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Hemocinese
» Materiais, ferramentas, técnicas e recursos de desenho
» Música preferida de CDZ
» Músicas do filme Frozen em JP *-*
» Salão de festas

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Estudio ArSeNal :: Estudos :: Tutoriais: Roteiros e desenhos :: Tutoriais Roteiros-
Ir para: